segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

domingo, 30 de janeiro de 2011

O Tempo que demoramos na casa de banho


Hoje trago-vos um tema bastante...interessante?? Talvez não. Mas dá-me vontade de falar nisto. :D Quem demora mais tempo na casa de banho? Os Homens ou as Mulheres?

Há certas necessidades que em as mulheres demoram mais tempo claro, mas os Homens em outras também não ficam atrás. Há homens hoje em dia que também fazem a depilação. Nada contra eles, cada um é que sabe de si. Os homens também têm de se barbear, etc. Quem demora mais tempo, realmente podem ser as mulheres, mas os homens também estão quase a chegar a esse ponto. Não é por mal que estou a dizer que as mulheres demoram mais tempo, eu compreendo e cada homem também devia de compreender.


sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Facebookers

Vamos lá agora falar de Facebook. Que tema relacionado com o Facebook é que devo de falar?

Não vou falar de jogos, música, filmes, etc. Vou sim falar do efeito que o efeito que o facebook tem nas pessoas. O Facebook foi criado como sendo um rival do hi5, e desde a sua entrada no mundo da internet, tem criado muito impacto por ser muito diferente. Mas a verdade, é que o Facebook pode deixar de ser apenas uma única rede social. O Facebook está a passar a ser também um diário. No meu ponto de vista, para muitas pessoas pode ser uma forma de desabafo. Há quem seja muito fechado e não conte nada a ninguém, então inscrevem-se no facebook como forma de chamar a atenção das pessoas e também de escrever lá o que lhes apetece, basicamente, a sua vida. Não estou a dizer que é mau nem nada. Mas vou dizer que pode-se tornar mau um dia. Imaginam o que é todos saberem da nossa vida?

Basicamente, deve servir apenas como uma verdadeira rede social onde as pessoas compartilham fotografias e comentam-nas.



quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

A Realidade não é bem o que parece


Pois não. E agora podia argumentar usando as minhas palavras porquê, mas vou dar antes um exemplo mostrando também a posição em que me encontro sobre esses assuntos.
Ontem dia 18 de Janeiro de 2011 vi metade de um documentário que deu na RTP 2 sobre a viagem do Homem à Lua.
É um tema que dá logo origem a um debate, porque se levantam duas opiniões:

- O Homem foi à lua.
- O Homem não foi à lua.

Ora, claro que na residência onde me encontro houve logo uns que disseram as suas opiniões. A minha opinião sempre foi que o Homem foi à lua. Mas também há coisas que me levantam questões que acabam por desviar um pouco para: O Homem nunca foi à lua.
Por um lado quero acreditar que sim, pois investiram muito, vidas foram postas em risco, etc. Mas por outro fico em dúvida pois há imagens que também me dão a entender que não foram.
Confusão!
E bastante!
Tomei o partido de não argumentar mais sobre a viagem do homem à lua. Imagens daquele tempo com tamanha qualidade? Estranho, mas a verdade é que há um video que demonstra que o homem pôs a bandeira, ela não se movia, e via-se a nave.
Ficamos em quê?
Outro exemplo: Torres Gémeas.
Este assunto é muito delicado. A imprensa assume que foi Osama Bin Laden que organizou tamanha tragédia. Rumores partem de que foi a própria América quem provocou o acontecimento.
Quer eu acredite em um, ou em outro, não estão a dar devida importância a vidas humanas. Principalmente se foi a América. Quem tem tamanho pensamento de não ligar a mais nada, só para chamar a atenção ou para obter dinheiro?
Quem seja quem fez isto não posso chamar Ser Humano.

CC/RS

Já enjoa, mas aqui o Tiago tem que vir cá (desabafar, neste caso) falar sobre o assunto. Como já é conhecido de toda a gente, no meu entender Carlos Castro foi assassinado por Renato Seabra à uns quantos dias. Acho que não vale a pena dizer quem são, é que a notícia já esta espalhada por Portugal inteiro e realmente já começa a tornar-se chato ouvir sempre falar no mesmo tema. A maneira mais simples de resolver o caso era descobrir como Renato o matou, levá-lo rápido a tribunal e prendê-lo. E não se ouvia falar mais disso. Mas não. Os media de Portugal digamos que gostam de levar a notícia de porta a porta a todos os portugueses. Aos caros leitores que trabalham nesse meio, vejamos bem, é verdade! Vocês sabem disso! Não se fala noutra coisa senão nesta notícia! Porquê? Isso não sei, mas suponho que seja porque talvez interesse à maioria dos portugueses. Na minha opinião não interessa a muitos, interessa só aos que têm fama. E para isso é preciso falar muito nela. Ou àqueles que são muito cuscos e passam o tempo a ver revistas cor-de-rosa.
Mas indo à raiz da notícia, não sei do que foi morto, porque foi morto, ou qual era a vida que ele tinha. Renato Seabra, sei que era modelo porque disseram logo na televisão. O rapaz vai ser julgado, e depois decidir-se-há o que será feito.
O que eu acho deveras engraçado é que mal entro numa papelaria, num hipermercado, ou mal ligo a televisão, o tema seja sempre esse. Como se não houvesse mais nada que mostrar.
Que tal mostrar coisas mais interessantes?

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

O Futuro do namoro


Será isto o futuro do namoro?

Espero que não...

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Eleições Presidenciais



Olhando para estas 4 caras o que vemos? Os 4 possíveis candidatos a Presidente da República de Portugal. Agora tenho uma pergunta:
Em qual destes hei de votar?
Resposta curta: Em nenhum.
Pode ser estupidez da minha parte, mas eu não acredito em nenhum deles.
Simplesmente porque defendem apenas os seus próprios interesses, e não vão ajudar de nada o país.
Orçamento de Estado: Demorou-se tanto tempo a fazer, e o caro sr. Manuel Alegre veio dizer que se fosse ele já tinha resolvido o assunto à muito. Mas não explicou muito mais sobre o assunto.
Na minha opinião acontecia de igual forma. Mal sai de lá um, entra outro igual. Isto é assim.
Enquanto não houver alguém que lute pelo povo, que pense nos problemas do povo, na probreza do povo, no trabalho do povo, na alimentação, etc, o país não melhora.
O País está em crise, é certo, mas o governo continua a gastar milhoes de euros à toa com outras coisas, e nada para melhorar a condição de vida dos portugueses.
O voto era algo que mtos queriam à mtos anos. Agora têmo-lo. Mas vamos votar em alguém que não vai resolver nada? Para quê? Mais vale estar quieto e nós próprios ajudar-mo nos ajudar mos os outros.
Como estão sempre eles? De gravata. Nunca os vi de outra forma.